domingo, 24 de julho de 2011

Estação Jugular - Resenhas e Sorteios



Muitos leitores já curtiram a viagem absurda de Franz e o motorista pelas dez áreas sombrias da revelação total. Aventura, mistério, loucura, supense, e ritmo. Muito Ritmo na escrita, para que meu romance não encha o saco de ninguém (assim espero). E para que os 'não leitores' se animem de tentar ler algo pela primeira vez; o que já seria uma vitória.

Diferente de qualquer outro livro que eu ainda possa escrever, Estação é único, paradoxal, e tenta ver paisagens além dos olhos, além de qualquer estrada para a morte ou para a vida, para a evolução ou para o destino final do homem.

Confira as resenhas e os sorteios que estão rolando por aí


Resenhas:

escrevendoloucamente.blogspot.com

Não posso começar a falar do livro sem antes dizer uma coisa: Estação Jugular me surpreendeu de maneira muito positiva. Os motivos foram vários, principalmente a abordagem do tema e a veracidade que os personagens transmitem ao leitor. Estação Jugular, a meu ver, é um livro que tem personalidade e sabe ser original.


www.livrariaoutubro.com.br


A narração segue em uma (alta) velocidade que combina com a trama, já que o jovem esta passando por uma fase turbulenta e confusa, tudo ajuda no clima da leitura. Fora que a ideia de viajar pelas telas de Van Gogh é fascinante e invejável, tive aquele sentimento agridoce de querer e não querer estar ali.


www.literaturadecabeca.com.br

Comece a mais deliciosa jornada pela mente humana nas mãos do genial Allan Pitz.
Quando eu pensei que ele não poderia me surpreender e me transportar nas mais loucas viagens pelos tortuosos e deliciosos caminhos da mente humana, como ele fez em A morte do cozinheiro, ele me joga mais uma vez na loucura ânsia de ler em Estação Jugular (Multifoco, 98 páginas).



kastmaker.blogspot.com

Um livro fininho que me deixou preocupada: Será que o autor conseguiu colocar tudo em tão poucas páginas? Mas ao terminar de ler tive certeza que sim, na verdade ele fez mais. Conseguiu avaliar séculos de evolução humana nessas poucas páginas, mesclando o suspense com a fantasia, onde nos deparamos com momentos de angústia e sabedoria.


anngominho.blogspot.com


É claro que só estar dentro do ônibus não é nada, né? A verdadeira história é todo o desenrolar para o passageiro chegar em seu destino "o ponto final". As metáforas e alegorias que Pitz consegue desenvolver tornam o livro cada vez mais reflexivo a medida que nos aproximamos do final. Com certeza um livro que nos faz pensar do inicio ao fim.


anime-daiki.blogspot.com

Depois de ler Estação Jugular eu entendi o porquê todo mundo que le se torna fã de Allan Pitz, além de escrever muito bem o Livro é Perfeito e sim com certeza eu o indico, espero que gostem como eu gostei do livro! Só tenho a agradecer ao autor pela bela e maravilhosa leitura. Obrigada!



Sorteios:


rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com


bymarizinha.blogspot.com

0 comentários:

Postar um comentário

Este blog surgiu após inúmeras recomendações, broncas, cascudos e beliscões de conhecidos. Aqui está, enfim, um espaço próprio para o escritor Allan Pitz publicar suas "Patavinices", seus textos, seus livros, e tudo o mais que o tempo for lhe guiando e desenvolvendo.

Obrigado pelo incentivo de todos.