domingo, 5 de setembro de 2010

Piadinhas do Al Kharin (Margheritas em Cabul)

(Desenho do amigo Pituba)

Árabe sendo traído em Paris

Um dia, o Al Kharin foi até à mesquita pedir conselhos ao Imam.

- Imam, eu preciso de sua ajuda. Hadisha, minha mulher, está me traindo, e o que é pior, Imam, ela está dando a parte de trás para um padeiro francês! Se estivéssemos no Marrocos tudo seria mais fácil de se resolver, no entanto, aqui é Paris, Paris! Faça algo para que ela pare, por favor!

O Imam, boquiaberto, responde:

- Meu filho... (com ar pensativo) Um dia, eu estava em Marrakech, numa reunião entre os grandes mestres Islâmicos, quando, de repente, senti uma forte dor de barriga... Corri para o banheiro e, acredite, eram gases. Voltei para a minha cadeira e cinco minutos depois: Outra dor de barriga. Novamente, fui correndo até o banheiro e, acredite: Gases novamente. Quando já tinha retornado a minha cadeira, outra dor de barriga; daí, pensei: devem ser gases! Filho... Acredite... Borrei-me todo na presença dos grandes mestres.

Nisso, Al Kharin retruca, meio constrangido:

- Mas... Imam... Eu estou falando de Hadisha,
o que isso tem a ver com ela?

O Imam segue com ares de sabedoria:

- Meu filho, se eu não consigo controlar o meu
rabo às vezes... Como é que você pode querer
que eu controle o da sua mulher?!



A Paz no Oriente Médio!



Um árabe caminhava pelo deserto, quando encontrou uma garrafa de Coca-Cola.
Ao abrir a tampa - surpresa! - apareceu um gênio:
- Olá! Sou o gênio capitalista de um só desejo, às suas ordens.
- Que beleza!! Então, eu quero a paz no Oriente Médio! Veja esse mapa aqui: Quero que esses países todos vivam em paz!
O gênio olhou bem para o mapa e disse:
- Cai na real, meu amigo. Esses países guerreiam há cinco mil anos! E para falar a verdade, eu sou bom, mas não o suficiente para isso. Peça outra coisa.
- Bom... Eu nunca encontrei a mulher ideal. Você sabe... Gostaria de uma mulher que tenha senso de humor, goste de sexo, de cozinhar, limpar a casa, lavar, passar, que não seja ciumenta, que goste de futebol, seja fiel, gostosa, bonita, jovem, carinhosa, e não se importe de eu ter ou não dinheiro.
O gênio suspira fundo e diz:
- Me deixa ver a porra desse mapa de novo...



Parte do Livro Margheritas em Cabul - O melhor do humor árabe!

0 comentários:

Postar um comentário

Este blog surgiu após inúmeras recomendações, broncas, cascudos e beliscões de conhecidos. Aqui está, enfim, um espaço próprio para o escritor Allan Pitz publicar suas "Patavinices", seus textos, seus livros, e tudo o mais que o tempo for lhe guiando e desenvolvendo.

Obrigado pelo incentivo de todos.